Choose your country / language

Revestimento de TiAlN com alta estabilidade térmica, ideal para componentes de precisão submetidos a altos níveis de carga e operações arrojadas de conformação de metais.

BALINIT FUTURA NANO
BALINIT FUTURA NANO
BALINIT FUTURA NANO

A alta dureza e tenacidade do BALINIT® FUTURA NANO fornece uma surpreendente proteção contra erosão e desgaste abrasivos, o que o torna a escolha ideal para componentes de precisão submetidos a um alto nível de carga mesmo sob altas condições térmicas.  Esse é também o maior benefício para moldagem por injeção de plásticos e HSS e ferramentas de carboneto.

A estrutura de nitreto de alumínio e titânio (TiAlN) resulta em uma melhor relação de alta dureza para a tensão de compressão residual. Isso proporciona um excelente desempenho especialmente para componentes submetidos a um alto nível de carga e ferramentas de conformação de metal.

Para componentes sensíveis a variações térmicas, BALINIT® FUTURA NANO ARCTIC está disponível com uma temperatura de revestimento de apenas 200 ºC.

BALINIT FUTURA NANO
Material de revestimento TiAlN
Tecnologia de Revestimento Arc
Cor do revestimento cinza-violeta
Dureza do revestimento HIT [GPa]* 33 +/- 3
Coeficiente de atrito (a seco) em oposição ao aço** ~0.6
Tensão intrínseca [GPa]*** ~0.6
Temp. máx. de operação [°C]**** 900
Temperatura do processo [ºC] 500
Comentário geral Todos os dados fornecidos são valores aproximados, que dependem da aplicação, ambiente e condições de testes.
*Dureza do revestimento HIT [GPa] Medido por nanorreentrância de acordo com a ISO 14577. Para multicamadas, a dureza de diferentes camadas varia.
**Coeficiente de atrito (a seco) em oposição ao aço Determinada pelo teste esfera no disco em condições a seco com uma esfera de aço de acordo com a ASTM G99. Durante a operação, os valores podem ser excedidos.
***Tensão intrínseca [GPa] Medido por XRD e/ou pelo método de curvatura (equação Stoney). A tensão térmica calculada foi removida.
****Temp. máx. de operação [°C] Estes são os valores aproximados no campo. Devido às leis da termodinâmica, há uma dependência de pressão na aplicação.

Feedback ou perguntas? Entre em contato conosco!

keyboard_arrow_up